Bom dia, Sexta Feira 24 de Novembro de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Série B: Luverdense empata com o Santa Cruz e briga para não cair

GC Notícias | 28/10/2017 20:52
As duas equipes bem que tiveram suas chances, mas não conseguiram somar os três pontos e briga contr
As duas equipes bem que tiveram suas chances, mas não conseguiram somar os três pontos e briga contr

Luverdense em situação muito complicada na Série B

Os três pontos eram importantíssimos para Santa Cruz e Luverdense neste sábado, no Arruda. A intenção era reduzir a distância para sair da zona de rebaixamento, mas a situação ficou ainda mais complicada na Série B. Os dois times não saíram de um empate sem gols e, para ambos, sobrou o gosto amargo.

O Tricolor é o 18º, com 32 pontos, a seis do CRC, primeiro fora do Z-4 com 38. O Alviverde é o 17º, com 36.

O Santa Cruz volta a jogar no sábado, dia 4 de novembro, contra o Náutico. O chamado Clássico das Emoções será às 17h30 (de Brasília) no Estádio do Arruda. Já o Luverdense joga um dia antes, na sexta-feira dia 3 de novembro, às 21h30 (de Brasília) contra o ABC-RN, no Estádio Frasqueirão.

+ A classificação da Série B
+ O tempo real da partida

Só foi olhar o primeiro tempo para saber porque Santa Cruz e Luverdense estão na zona do rebaixamento. As duas equipes abusaram de cometer erros, principalmente de passe, e fizeram uma partida abaixo da média. Para se ter uma ideia de como foi ruim, a única defesa feita por um goleiro foi aos 40 minutos, quando Julio Cesar pegou um chute cruzado de Ricardo. Por mais que os dois times tentassem, esbarravam no mesmo problema: um adversário fechado, mas sem qualidade técnica suficiente para furar o bloqueio.

O Santa Cruz voltou para o jogo mais afoito, acelerando o jogo. Conseguiu, em menos de dez minutos, finalizar com perigo - com Ricardo Bueno - algo que não tinha feito durante todo o primeiro tempo. Só que, pouco a pouco, os corais iam ao ataque só na base do desespero. O lance mais perigoso foi uma cobrança de Anderson Salles que parou na trave. O Luverdense, por outro lado, teve chances de cometer o crime, se aproveitando de espaços dados pelo Santa. Guly, que recebeu um passe com açúcar de Marcos Aurélio, perdeu cara a cara com Julio Cesar. No fim, Ricardo Bueno ainda meteu uma no travessão, mas não deu para ninguém.

Fonte: Showdoesporte/Globo Esporte