Bom dia, Quinta Feira 21 de Junho de 2018
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Em 10 anos, 1.036 mulheres são assassinadas em MT, aponta Atlas da Violência

GC Notícias | 05/06/2018 10:45
Mulher assassinada em Sinop em maio de 2016
Arquivo GC Notícias
Mulher assassinada em Sinop em maio de 2016

Estudo aponta um aumento de 30,3% no número de assassinatos de mulheres em uma década

Mato Grosso registrou mais de mil assassinatos de mulheres em 10 anos, segundo Atlas da Violência 2018, divulgado nesta terça-feira (5) pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

A ideia do material é analisar os inúmeros indicadores para compreender o processo de acentuada violência no país.

Em 2016, o Brasil alcançou a marca histórica de 62.517 homicídios, segundo informações do Ministério da Saúde (MS). Isso equivale a uma taxa de 30,3 mortes para cada 100 mil habitantes, que corresponde a 30 vezes a taxa da Europa.

Apenas nos últimos dez anos, 553 mil pessoas perderam suas vidas devido à violência intencional no Brasil.

Em Mato Grosso, entre 2006 e 2016, 1.036 mulheres foram assassinadas. Em 2016, foram 106 mulheres mortas no estado, o que representa uma taxa de 6,4 homicídios para cada 100 mil brasileiras.

Ainda sobre Mato Grosso, em dez anos, observa-se um aumento de 30,3% no número de assassinatos de mulheres no estado.

Apesar do número expressivo em relação à morte de mulheres, Mato Grosso e outros seis estados conseguiram reduzir o índice de assassinatos em geral: São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Pernambuco, Paraná e Distrito Federal.

GCNotícias+

Entre janeiro a março deste ano, mais de 20 mulheres foram assassinadas em Mato Grosso. A maioria delas por maridos, namorados, ex-maridos e ex-namorados, por motivos passionais.

Fonte: G1 MT