Bom dia, Sábado 22 de Setembro de 2018
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Primeira turma da residência médica se forma em Sinop

GC Notícias | 22/02/2018 17:08

Ao todo, dez médicos receberam o certificado

Referência nacional na residência médica em saúde da família, Sinop realizou nessa quarta-feira (21), a entrega dos certificados de conclusão da primeira turma de residentes do Programa de Residência de Medicina Geral da Família e Comunidade. A prefeita Rosana Martinelli (PR) agradeceu o empenho dos profissionais durante os dois anos de trabalho pela saúde do município.

“Enquanto município, estamos muito felizes e com orgulho de concluir tudo isso com muito sucesso. Muitas pessoas tiveram a participação nesse sucesso, como o doutor Francisco (Specian), doutor Nelson Úrio e o doutor Eduardo (Dossa), que tiveram a coragem e ousadia de fazer esse projeto, que deu muito certo e nos tornou referência no país. A gente fica feliz quando as pessoas fazem acontecer”, parabenizou a prefeita.

Ao todo, dez médicos receberam o certificado durante o ato organizado pela Coordenação de Residência Médica da Secretariam Municipal de Saúde. “Nós temos dez formandos na especialidade de Medicina Geral de Família e Comunidade, que é um curso contínuo, ou seja, quando sai uma turma, automaticamente, entram mais dez médicos. A formação e assistência são duas coisas que andam juntas, e isso permite uma melhor qualificação do sistema e melhor resolução de problemas do usuário, que é o maior interessado nessa história toda”, explicou o coordenador da Residência Médica, doutro Eduardo Augusto Dossa.

Sinop aderiu ao Programa de Residência Médica e Medicina Geral na Comunidade em 2014 e, para o secretário de Saúde Arnaldo Catelan, desde então, houve uma melhora da qualidade nos atendimentos. “Essa residência médica traz qualidade no atendimento da atenção básica porque são médicos formados quem vêm fazer especialização no município. Traz qualidade, porque esses residentes são pesquisadores e estão em constante aprendizado”, ressaltou.

Durante o período do programa, para cada dois médicos residentes há um médico preceptor que faz o acompanhamento. Rafael Garcia de Maria, um dos médicos que recebeu o certificado, destacou a qualidade do ensino em Sinop. “Entendemos que fomos muito bem orientado e saímos com o coração engrandecido e melhores médicos do que entramos nessa residência”, finalizou.

 

Fonte: Assessoria