Bom dia, Quarta Feira 20 de Março de 2019

Notícias dos Poderes

Família tradicional brasileira

| 13 de Fevereiro de 2019 as 10h 53min

O deputado federal mais votado de Mato Grosso, Nelson Barbudo (PSL), já está atuando em defesa da família... pelo menos da Família Selam. O parlamentar deu um cargo para uma mãe e para seu filho, que juntos irão receber R$ 12,9 mil por mês.

Não confundam o caso com nepotismo. Não é a mãe e o filho do Barbudo. Os nomeados são parentes entre si, mas não tem vínculo sanguíneo com o deputado. A junta familiar que atuará no gabinete do deputado é formada por Rosangela Fochi Selam, que irá receber um salário de R$5,7 mil, e seu filho, Raul Fochi Selam, com renda de R$7,2 mil mensais.

Além da mãe e do filho também fazem parte da equipe de Barbudo outras 7 pessoas: os assessores Reginaldo Andrade, Sandra Martins, Rafael Klas Dal Bo, Adalberto Ferreira Romar, Flavio de Jesus de Oliveira, Joelma Santos Evangelista e Maria da Conceição Dourado.

Barbudo é produtor rural, bacharel em Direito e foi o deputado federal mais bem votado no último pleito com 126.249 mil votos. Ele ganhou notoriedade ao publicar conteúdo nas redes sociais defendendo os posicionamentos do atual presidente Jair Bolsonaro (PSL).

COMENTARIOS