Boa noite, Domingo 10 de Dezembro de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Hay gobierno? Estoy dentro

GC Notícias | 31/03/2016 16:27

Baiano Filho iniciou a sua carreira política no ano de 1996 pelo extinto PFL, quando por acaso, a sigla compunha o governo de Dante de Oliveira (PSDB), que ficou no posto até 2002. Baiano se reelegeu vereador de Sinop em 2000, pelo PFL. Em 2002, mudou para o PPS, apoiando um tal de Blairo Maggi, que virou governador de Mato Grosso. Baiano ficou no PPS, foi secretário estadual de esportes e, na eleição de 2004 foi candidato a prefeito pela oposição, enfrentando Nilson Leitão (PSDB), candidato a reeleição. Disputa feia por sinal, com vários golpes abaixo da linha da cintura. Baiano perdeu, mas continuou com o governo Maggi. Pelo menos até o Rei da Soja entregar o cargo para Silval Barbosa, do PMDB, em 2010. Nesse ano, Baiano se filiou ao PMDB, disputou a eleição pelo partido e se elegeu deputado estadual. Ficou, mais uma vez, dentro do governo.

Em 2014 Baiano foi para reeleição, ainda no PMDB. Teve êxito, mas seu partido perdeu o governo. Da mesma forma que ocorreu com Dante em 1999, Pedro Taques venceu a eleição para governador de Mato Grosso pelo PDT e depois migrou para o PSDB.

Na semana passada, Baiano Filho também se filiou ao PSDB. Ao contrário da frase utilizada pelos oposicionista, se hay gobierno, estoy dentro!