Bom dia, Sexta Feira 19 de Julho de 2019

Polícia

Assassino de engenheiro agrônomo consegue cela especial

Produtor conseguiu benefício por já ter sito jurado em tribunais

Prisão especial | 14 de Março de 2019 as 10h 20min

Foto: Divulgação

Paulo Faruk de Moraes, de 61 anos, teve direito de detenção em cela especial a pedido de sua defesa. O juiz da comarca de Porto de Gaúchos concedeu o direito.

A defesa do réu tinha requerido prisão especial no Centro de Custódia de Cuiabá, e que ele aguardasse a decisão recolhido no Batalhão da Polícia Militar de Juara, por conta da inexistência de cela especial na Cadeia Pública de Porto dos Gaúchos.

O acusado já exerceu a função de jurado em tribunais de júri em Nova Mutum-MT, e por esse motivo o magistrado acolheu parcialmente o pedido da defesa.

O réu terá direito de prisão distinta daquelas destinadas aos presos comuns, porém manteve o cárcere na unidade prisional de Porto de Gaúchos.

Como o GC Notícias já informou, o produtor rural, está preso desde o dia 21 de fevereiro pelo assassinato de Silas Henrique Palmieri.

COMENTARIOS