Bom dia, Sexta Feira 24 de Novembro de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Detentos se rebelam no presídio Ferrugem, dois mortos

GC Notícias | 11/04/2017 08:50
A Penitenciária Ferrugem tem capacidade para 326 pessoas, porém, atualmente abriga mais de 700 deten
Reprodução TV Capital
A Penitenciária Ferrugem tem capacidade para 326 pessoas, porém, atualmente abriga mais de 700 deten

Em confronto, dois detentos morreram

Detentos do presídio Osvaldo Florentino Leite, popularmente “Ferrugem”, se rebelaram no inicio desta manhã (11) e estão até o momento soltos  pelos corredores. A morte de pelo menos dois detentos foi confirmada.

O Comandante da Polícia Militar, tenente coronel Valter Razera, enviou reforços aos Agentes Penitenciários.

De acordo com presidente do Sindspen, João Batista Pereira, os agentes foram surpreendidos hoje pela manhã, com barricadas feitas por detentos reféns.

De dentro do presídio, um prisioneiro ligou para a reportagem do Cidade Alerta e exige a presença da equipe para intermediar as negociações. O preso confirmou que outros detentos foram feitos reféns, e querem contato com o secretário de Justiça e Direitos Humanos de MT, Airton Benedito. De acordo com os presos, detentos reféns foram mortos. 

As 8h56min um detento foi retirado do presídio ferido.

Familiares acompanham inquietos de fora. 

 

(Atualização 16:00)

A Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) confirmou na tarde desta terça-feira (11) a morte de cinco presos durante a rebelião que ocorre na Penitenciária Osvaldo Florentino Leite Ferreira (Ferrugem), desde o início desta manhã, um deles foi decapitado.

A Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos de Mato Grosso disse que os rebelados estão concentrados nos raios Laranja e Amarelo. O restante da unidade prisional está isolado, sem risco de fuga.

Ainda não a informações oficiais das reivindicações dos detentos.

Fonte: André Jablonski