Bom dia, Domingo 20 de Janeiro de 2019

Polícia

Funcionário de funerária simula assalto para furtar empresa em Sinop

Rapaz ligou para polícia pedindo socorro, alegando o roubo

Crime falso | 08 de Junho de 2018 as 08h 51min
Fonte: André Jablonski

Acusado confessou o crime em vídeo | Foto: Polícia Civil

Um funcionário, de 28 anos, de uma funerária, na Avenida das Embaúbas, foi preso na noite de ontem (07), depois de simular um assalto para roubar o malote com R$ 3 mil da empresa.  O crime foi descoberto por policiais da DERF (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos), durante o depoimento controverso do rapaz.

O acusado recebeu voz de prisão enquanto comunicava o falso crime a polícia. Segundo ele,  três homens armados o abordaram na Avenida dos Flamboyants e o obrigaram a entrar no porta-malas do veículo da empresa.  O funcionário contou que foi libertado na Avenida André Maggi, próximo ao bairro Dauri Riva.

O veículo da funerária foi encontrado no bairro São Cristóvão, sem o malote com dinheiro.  

Em vídeo, o funcionário confessou o crime e argumentou atraso no pagamento do salário.  Ele deve responder por furto qualificado e falsa comunicação de crime.

COMENTARIOS