Bom dia, Terça Feira 17 de Outubro de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Prefeitura estima um crescimento de 1,89% para o orçamento de 2018

GC Notícias | 22/09/2017 10:18
Drone Cuiabá

Projeção de arrecadação direta para o próximo ano é de R$ 341,8 milhões

A cidade que ostenta a fama de crescer 10% ao ano não tem o mesmo otimismo nas contas públicas. A prefeitura de Sinop divulgou nesta sexta-feira (22), a prévia da LOA (Lei Orçamentária Anual), para o ano de 2018. O projeto de lei traz a previsão de arrecadação da prefeitura de Sinop para o próximo ano. De acordo com os cálculos da secretaria de Finanças e Orçamento, a administração direta terá R$ 341,8 milhões para manter os serviços públicos no próximo ano.

O valor corresponde a aproximadamente R$ 6 milhões a mais do que o orçamento projetado para esse ano. A LOA 2017 estimou o orçamento do município – na administração direta – em R$ 335,4 milhões. Na ponta do lápis, a arrecadação será 1,89% maior em 2018.

O percentual está bem abaixo da média dos últimos anos. Em 2016, a projeção de orçamento foi 6% maior que em 2015. De 2016 para 2017, o crescimento foi de 10,98% - considerando apenas a administração direta, que são os orçamentos da prefeitura e da Câmara somados.

Conforme a LOA elaborada pela equipe da prefeita Rosana Martinelli (PR), a arrecadação esperada para 2018 é de R$ 380,8 milhões, sendo destinado para a administração direta (Executivo e Legislativo) o total de R$ 341,8 milhões. A LOA de 2017 tinha uma arrecadação total de R$ 388,6 milhões. A diferença de quase R$ 8 milhões, está nas estimativas de receita da administração indireta (PreviSinop e Ager). Em 2017, esses órgãos arrecadaram R$ 53,1 milhões. Para 2018, a projeção da prefeita é de que a administração indireta arrecade R$ 39 milhões.

Segundo a secretária de Finanças e Orçamento, Ivete Mallmann, a diminuição da arrecadação estimada na administração indireta deve-se a uma nova regra de cálculo, da Secretaria de Tesouro Nacional. A partir desse ano, as aplicações devem ser contabilizadas no resgate. Em suma, a arrecadação da administração indireta de Sinop é oriunda das aplicações feitas com os recursos do Fundo Previdenciário, do Previ-Sinop. São aplicações mistas, em diferentes modalidades, que rendem de acordo com o mercado (juros, queda e alta de bolsas, etc.).

Os detalhes da LOA 2018 serão apresentados para população em uma audiência pública, na próxima segunda-feira, 25, às 8h, no plenário Tião da São Camilo (Rua das Avencas, 1481 – Secretaria Municipal de Administração). “É importante para que a população tenha acesso à informação e saiba qual é o orçamento previsto para o ano de 2018, assim também como acompanhar os programas desenvolvidos e as ações implementadas com os recursos”, explicou Ivete Mallmann.

Após a audiência pública o projeto de lei será encaminhado para a Câmara Municipal. Obrigatoriamente a LOA deve ser votada em 3 sessões diferentes. Após aprovada e sancionada, a LOA estabelece o eixo principal da gestão municipal no próximo ano. 

Fonte: Jamerson Miléski