Bom dia, Quinta Feira 29 de Junho de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

Dia de campo apresenta tecnologias para cultivo de soja convencional

GC Notícias | 16/02/2017 16:46

Na próxima segunda-feira, dia 20, a partir das 7h30, a Embrapa Agrossilvipastoril sedia um dia de campo do Programa Soja Livre. O evento é um dos oito previstos pelo Programa para o mês de fevereiro em Mato Grosso e traz informações sobre a produção de soja convencional.

Além de mostrar cultivares recomendadas para os estado, a programação também terá palestras sobre o manejo e controle de plantas daninhas em lavoura de soja convencional e sobre as perspectivas de mercado para o produto.

Uma das três estações do dia de campo apresentará as oito cultivares de soja convencional escolhidas pelo Programa Soja Livre para exposição nesta safra. São quatro cultivares da Embrapa (BRS 7980, BRS 8381, BRSGO 8061 e BRSGO 8360), duas da Agronorte (Ansc83 022, Ansc89 109) e duas da TMG (TMG 4182 e TMG 4185).

Os interessados ainda poderão acompanhar na vitrine de tecnologias da Embrapa outros materiais desenvolvidos pela empresa sem e com transgenia. Entre eles cultivares Cultivance, IPRO e RR.

As inscrições para o dia de campo são gratuitas e poderão ser feitas na hora do evento.

 

Soja Livre

O Programa Soja Livre é conduzido pela Embrapa e Aprosoja-MT, com apoio de uma rede de parceiros, e busca garantir a oferta de sementes de soja convencional no mercado, mantendo o direito de escolha do produtor.

Ao longo dos anos, o programa mostra, por meio de vitrines cultivadas em todo o estado, que materiais convencionais podem ser tão competitivos quanto cultivares geneticamente modificadas.

Além disso, eles atendem a um nicho de mercado exigente, como o europeu, que prefere comprar soja convencional.

Outra vantagem da soja livre de transgenia é o maior valor do grão. Atualmente há trades pagando até R$ 10 a mais por saca de soja convencional.

 

Próximos eventos

Na terça-feira, dia 21, logo após o evento em Sinop, será a vez de Sorriso sediar um dia de campo do Programa Soja Livre. As atividades serão no campo experimental do Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) e terão início às 7h30.

Tangará da Serra, do dia 22, e Deciolândia, no dia 23, completarão a programação de dias de campo do Soja Livre em Mato Grosso em fevereiro.

Fonte: Gabriel Faria