Bom dia, Sexta Feira 26 de Maio de 2017
Saúde Coluna Social Classificados Sobre o Site Fale Conosco

9% da população faz exercício físico em Mato Grosso; diz pesquisa

GC Notícias | 18/05/2017 15:05
Avenida das Itaúbas - Sinop
Foto: GC Notícias
Avenida das Itaúbas - Sinop

Falta de tempo, dinheiro, estão entre os motivos utilizados para não praticar atividade fisica

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referente a 2015 apontou que 17,4% da população brasileira realizaram atividade física. O número representa 28,1 milhões de brasileiros com 15 anos ou mais. Mato Grosso é o Estado com menos pessoas realizando atividade física, chegando apenas 9%. 

Os números mostram ainda que no Estado, em relação à distribuição de pessoas de 15 anos ou mais de idade que praticaram algum esporte ou atividade física no período de referência de 365 dias, os homens representaram 52,5 do total e as mulheres 47,5% dos entrevistados. 

No Estado apenas 23,6% das mulheres são praticantes de atividades físicas, enquanto o percentual atinge 33,4% dos homens. Na pesquisa, em Mato Grosso 75,2 responderam que o Governo deveria investir em esporte, 8,3 não deveria e 16,5 não tinham opinião. Foram ouvidas 71.142 pessoas com 15 anos ou mais em todos os estados e no Distrito Federal. Os dados apontam no cenário nacional, a prática maior entre os homens, os mais jovens, a população com maior escolaridade e maior renda. 

Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2015, 40% dos brasileiros costumam praticar algum tipo de esporte ou atividade física. Dos que praticam atividade física, 28,7% tem superior completo. 

A principal atividade física praticada é caminhada (49,1%), seguida de fitness ou academia (16,8%). Também é a caminhada mais adotada pelas mulheres (63,9%). Para os homens o futebol é o mais praticado (94,4%), seguido de corrida (79,2%) e andar de bicicleta (69,1%). Segundo o levantamento, o esporte mais praticado é o futebol, com 39,3% das respostas. 

A faixa etária mais ativa é a de 15-17 anos (53,6% responderam que se engajam em alguma atividade). As regiões menos sedentárias são o Centro-Oeste (41,1%) e o Sul (40,8%). 

Fonte: Diário de Cuiabá